Aldeia Beijupirá – Praia de Lages

Aqui, na Aldeia Beijupirá, vamos ficar a maior parte dos dias da nossa viagem.

Ficamos sabendo dessa região por meio de uma noiva que o Gustavo fotografou o casamento e que passou a lua de mel aqui. Assim a Beijupirá foi o nosso primeiro contato a distância com as belezas da Rota Ecológica.

Pra começar, um brinde! Tomei essa delícia de caipirinha de siriguela assim que cheguei: maravilhosa!

Caipirinha de siriguela. - Foto: Maitê Prado

Caipirinha de siriguela. – Foto: Maitê Prado

A Beijupirá é uma pousada grande, 20 chalés, aqui chamados de malocas, com uma super estrutura. Os chalés são GIGANTES! Uma varanda gostosa, uma salinha, um super quarto e um SUPER banheiro. Já que não estamos aqui só para elogiar… Aqui vai uma sugestão para o pessoa da Beijupirá: a área de banho é tão grande… merecia muito dois chuveiros! Outro detalhe importantíssimo que era a maior piada entre os hóspedes: a distância entre o chuveiro e o porta-sabonete. Beeem longe! Pôxa… tem que ficar mais perto. As idas e vindas do chuveiro ao sabonete são boas caminhadas! Os chalés além de grandes são confortáveis. Tudo muito limpo e organizado.

A pousada tem uma super piscina bem de frente à praia. Uma delícia! De todas pousadas que vi, acho que é a melhor área de piscina. As áreas cobertas bem de frente ao mar são um convite à preguiça… Uma delícia ficar ali, deitada, lendo um livro, apreciando a paisagem. Tudo de bom!

Foto panorâmica da área da piscina. - Foto: Maitê Prado

Foto panorâmica da área da piscina. – Foto: Maitê Prado

Eu e meu amor. Preguicinha nos almofadões do jardim. - Foto: Maitê Prado

Eu e meu amor. Preguicinha nos almofadões do jardim. – Foto: Maitê Prado

A pousada é maravilhosa, mas peca em alguns pontos básicos: serviço de praia péssimo. Se quiser alguma coisa, como colocar um guarda-sol na praia, tem que fazer você mesmo. São poucas pessoas atendendo na área da praia. O atendimento no restaurante é impecável. Aliás… a comida também é uma delícia. Mas confesso que achei o cardápio pouco variado. Os pratos são muito elaborados e como você acaba comendo ali todos os dias, acabamos sentindo falta de pratos mais simples.

Peixe maravilhoso!. - Foto: Maitê Prado

Peixe maravilhoso! Beijucastanha.               Foto: Maitê Prado

Outro ponto negativo são os valores. É tudo beeem caro. Tudo bem, você está em uma praia maravilhosa, em uma pousada charmosérrima e tal… Mas… Pagar R$5,00 pela água de coco e não ter direito à água no próprio coco eu acho ruim… Pôxa, eu estou na praia… Quero a água no coco e não no copo! Apesar de ser a regra, com jeitinho conseguimos que servissem a água no coco. Lógico que depois que abrimos a exceção, todo mundo pediu a mesma coisa! Não entendo o porquê de querer inventar quando a coisa já é perfeita…
O que acontece muito na Beijupirá é que você paga caro por coisas que não são tãaaaao boas para o preço que é cobrado. Só acho que pelo que cobram podiam melhorar beeem a qualidade, ter um cuidado a mais que justifique o valor. Exemplo, uma pousada deste porte tem que ter um bom serviço de wi-fi. Não precisa estar disponível na pousada toda, mas é fundamental que funcione bem em uma área, pelo menos. Aqui, sempre às 18h adeus sinal… Tudo bem que pode ser um problema da região, de sinal da operadora, mas pela experiência que tivemos na região, o problema é bem localizado.
Senti falta do jeitinho “lá em casa” da Amendoeira. Por aqui é tudo bem mais formal. Uma formalidade que vem da grandiosidade da estrutura e do distanciamento dos donos. Embora os atendentes sejam excelentes.
Um ponto super positivo para a Beijupirá é que eles têm uma academia aqui. Básica, mas com tudo que precisamos para não deixar a malhação de lado nas férias. A verdade é que não malhei nenhum dia… Apesar da academia ser quase de frente para o mar, sempre tinha alguma coisa mais interessante para fazer…
Passamos a aniversário do Gustavo aqui. Foi uma delícia! Ele ganhou bolo e parabéns na hora do jantar. O pessoal foi um amor. O bolo estava delicioso!
Parabéns! Aniversário do Gustavo. - Foto: Maitê Prado

Parabéns! Aniversário do Gustavo.               Foto: Maitê Prado

Uma outra dica: sorvete de capim santo… humm… não deixe de provar. É muito, muito bom!
A Aldeia Beijupirá fica na praia de Lages. A mais linda até agora. O mar tem aquela cor linda das outras, mas a vantagem é que por aqui tem menos algas e a maré não fica extremamente baixa, tem sempre água bem por perto.
Foto panorâmica da praia de frente à Beijupirá. - Foto: Maitê Prado

Foto panorâmica da praia de frente à Beijupirá. – Foto: Maitê Prado

O resumo é o seguinte. Estamos aqui para falar TUDO: coisas boas e não-boas. O balanço é positivo. Eu indico sim a pousada. Mas acho que eles podem melhorar pequenas coisas que farão grande diferença. Todas as críticas que estão aqui foram enviadas por e-mail para a Aldeia Beijupirá. Como se trata de detalhes, espero que tudo esteja bem melhor quando voltarmos ou quando alguém que está lendo for para a pousada. Aliás, se for, deixe um comentário aqui para ficarmos atualizados sobre as melhorias, ou não!
O site da Aldeia Beijupirá:
Anúncios

2 respostas em “Aldeia Beijupirá – Praia de Lages

  1. Oi ja que comentou estaremos indo para a rota eu e meu esposo e estamos na duvia entre essa pousada e a do caju. Uma das coisas que nos preocupa sao os precos poderia nos dizer sobre osprecos das refeicoes e bebidas? Obrgada adorei seu blog.

  2. Olá Janice, que bom que gostou do blog! Não sei se posso te ajudar muito com a escolha entre a Beijupirá e a do Caju porque só fiquei na Beijupirá. Imagino que o estilo da Pousada do Caju seja mais parecido com o da Pousada Amendoeira que amei de paixão. Mas, seja lá qual for a sua escolha, com certeza valerá muito a pena! Quanto à sua pergunta sobre os preços, a Beijupirá tem um preço acima da média de outras pousadas que já ficamos. Mas, na verdade, acredito que quase todas as pousadas na região praticam valores mais altos em relação a outros lugaers do nosso litoral. Você acaba pagando mais pelo serviço que é melhor e pela sofisticação de tudo e no final vale cada centavo gasto. Não posso falar muito da Pousada do Caju porque não ficamos lá, mas imagino que os valores sejam bem semelhantes aos das demais. Tipo: um prato no jantar na média de R$50,00 (individual), cerveja R$ 5,00, caipirinha R$ 12,00. Uma dica que dou é não fechar a pensão completa. Vale muito a pena sair para jantar nas outras pousadas da região. Como disse em um post, um jantar na Pousada Patacho é obrigatório! Espero ter ajudado! Qualquer coisa, é só perguntar. Abraço

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s